Pela primeira vez um SENADOR no exercício do mandato por determinação do STF é preso.
Este inédito episódio ocorreu estritamente dentro da LEI

O procurador geral da REPÚBLICA .RODRIGO JANNOT recebeu da POLÍCIA FEDERAL, gravação de conversa entre o SENADOR e um delator, NESTOR CERVERÓ ,na qual o SENADOR oferecia dinheiro em dólares ao delator Na conversa o SENADOR também oferece um roteiro de fuga do BRASIL para o delator,via PARAGUAY,usando um avião do BANCO BTG PONTUAL e assegurando que o banqueiro ANDRE ESTEVES, garantiria o pagamento a família do delator no BRASIL afirmou que conhecia pessoalmente e tinha grandes amigos entre os MINISTROS DO STF e interferir para amenizar os processos do delator .

Nessa conversa além do SENADOR e do delator NESTOR CERVERÓ, estavam presentes o advogado do delator EDSON RIBEIRO ,o chefe de gabinete do SENADOR DIOGO FERREIRA e um sobrinho do delator BERNARDO CERVERÓ, que escondeu em um bolso um celular com gravador e gravou toda conversa .

De posse da gravação ,o traíra ,sobrinho de outro traíra, entregou tudo ao PROCURADOR GERAL DA JUSTIÇA, RODRIGO JANNOT .

DR RODRIGO JANNOT ficou horrorisado com a proposta do SENADOR. que constituia crime inafiançável, pois ele pretendia obstruir uma ação judicial e oferecer fuga a um detento condenado .

Imediatamente o PROCURADOR GERAL. ofereceu denúncia contra o SENADOR no STF.
O relator do LAVA JATO NO STF ,MINISTRO TEORI VASQUES,constatando que os crimes eram praticados por um SENADOR DA REPÚBLICA ,no exercício do mandato e além do mais líder do GOVERNO NO SENADO ,não poderia por prudência, isoladamente tomar as medidas necessárias e submeteu a TURMA DO SUPREMO, as gravações e sua decisão de decretar a prisão do SENADOR,por crime inafiançavel praticado com flagrante.

A TURMA do STF, por unanimidade referendou a decisão do relator e a POLÍCIA FEDERAL foi notificada para efetuar a prisão que ocorreu em hotel de luxo,em BRASÍLIA ,aonde residia o SENADOR .

De acordo com a CONSTITUIÇÃO ,um DEPUTADO FEDERAL ou SENADOR , PRESO, só continuará preso com autorização por maioria dos membros da CÂMARA E DO SENADO.

A comunicação da prisão foi enviada ao PRESIDENTE DO SENADO,RENAM CALHEIROS ,que imediatamente convocou reunião extraordinária para decidir se mandava soltar ou acatava a ordem de prisão do STF.

Foi uma das mais dramáticas reunião do SENADO, com os senadores revoltados com a prisão de um SENADOR no exercício do mandato ,mas horrorisados quando escutaram a gravação .

O SENADOR DELCÍDIO AMARAL, COMO LÍDER DO GOVERNO, conversa amavelmente com todos os SENADORES,era d fino trato e bastante querido por todos .

Foi uma sessão longsa e dramática, mas os SENADORES que não podiam desconhecer a gravidade do crime praticado pelo colega e amigo e em votação aberta por 59 a 13, decidiram que o SENADOR deveria continuar preso .

GANHOU O BRASIL E DEMOCRACIA,porque estritamente dEntro do respeito a CONSTITUIÇÃO mais uma vez uma gravíssima crise política foi extirpada.

Related Posts with Thumbnails