O   CADERNO   EQUILÍBRIO   DA   FSP,  TRAZ   UMA    COLABORAÇÃO   MUITO    INTERESSANTE    DE   AMANDA  LOURENÇO , SOBRE FAZER  AMIGOS. REPRODUZO   OS  TRECHOS   MAIS  INTERESSANTES  DA  MATÉRIA. Pode  ocorrer  aos   50   anos, aos 40  e  mesmo  aos  30 .

Não  tem   quem   convidar   para  ir   ao   cinema   ou   sair para  um  barzinho. A  vida adulta hoje,  rouba  disposição  para  conhecer gente  nova. Prioridades   mudam. Festas  dão  lugar a jantar  a  dois. Saem  viagens   com   galeras, entram passeio  com  filhos ou  netos.

Outra evidente  razão   para  o estreitamento  do  círculo de   amigos  é   a  implicancia   que  o  parceiro   costuma  ter com  os   amigos  do   outro  .

Meu   namorado  não   gosta de minhas amizades. Se  saímos  com  outros   casais, que  são da  época  de  algum  ex meu, ele  fica  constrangido  e  enciumado.

O  trabalho  não ajuda  a  fazer  novos  laços  . A  concorrencia entre  os  que  partilham o mesmo emprego  é  tão intensa  e  cruel, que  cada  um   fica  na  sua .

Lazer  e  atividade   física  em  grupo  são  as  melhores  formas  de  fazer amigos.  No  interior  das  academias, quem está  malhando    não  está  competindo  com  ninguém  em volta . São  contextos   favoráveis  a  ampliação  do  círculo social. Um  empresário  declara : A  amizade  no  trabalho nem  sempre  é  como a  gente   quer. Aqui  na  academia  a amizade  é  desinteressada , leve  espontânea.

Tenho  alguém  com   quem conversar  sempre  que  preciso. Já  com  novas   aproximações  o  esforço  é  maior. É  preciso segurar  nossas  próprias  manias  e  fazer  concessões  em nome  da  nova  convivencia . Tudo isso  exige  uma  energia que  muitas  vezes    não  estamos  dispostos a  gasta-la .

Quando  envelhecemos  nos  tornamos   mais   seletivos   e mais  exigentes  .  QUANDO   ENCONTRAMOS   AMIZADES DA  ADOLESCENCIA ,CONSTATAMOS   HOJE   QUE  NÃO TEMOS   MAIS  ASSUNTO  ENTRE  NÓS .

Related Posts with Thumbnails