A CRONISTA BÁRBARA GANCIA, NA FOLHE DE SÃO PAULO ESCREVE INTERASSANTE CRÔNICA SOBRE O COMPORTAMENTO DOS RICOS.
ELA FALA QUE O VERDADEIRAMENTE RICO NÃO PODE SER APERCEBIDO PELO QUE VESTE. TRAJA CALÇAS JENS DESBOTADA, TENIS VELHOS E CAMISETA .

NUNCA USAM CORDÃO DE OURO NEM RELÓGIO ROLEX. O LUXO É USAR UM RELÓGIO SWATCH, DE PLÁSTICO EMERTICAMENTE FECHADO. ANDAM A PÉ OU EM CARROS NACIONAIS MODESTOS.
QUANDO FREQUENTAM O FASANO, O CÚMULO DA SOFISTICAÇÃO DE UM PEQUENO HOTEL E RESTAURANTE REFINADO, PEDEM UM OMELETE.

O NOVO RICO QUANDO VAI AO FASANO, PEDE TRUFAS, CAVIAR, FAISÃO. NÃO CONHECE DE VINHO MAS VIU NA INTERNET QUE O CHIC É TOMAR UMA GARRAFA DE PETRUS. NÃO DISPENSA UM UISQUE ENVELHECIDO, ROTULO AZUL.

QUANDO SAI, DEPOIS DE DISTRIBUIR GORJETAS DE 50 REAIS A TODOS OS GARÇONS, ARROGANTEMENTE PEDE AO MANOBRISTA QUE VÁ BUSCAR SEU CARRÃO IMPORTADO, E SEM OLHAR PÕE NAS MÃOS DO MANOBRISTA MAIS 50 REAIS.

O RICO, HUMILDEMENTE PEDE AO MANOBRISTA PARA IR BUSCAR SEU CARRO 1.0 E DESSA VEZ É O MANOBRISTA QUE SE COMPORTA ARROGANTEMENTE, DIZENDO PARA SI PRÓPRIO, O QUE ESSE PIRANGUEIRO ESTÁ FAZENDO AQUI NO FASANO.
AS APARÊNCIAS ENGANAM .

Related Posts with Thumbnails